POR TIAGO MENEZES

Para quem acredita que a saída do ex-ministro Henrique Eduardo Alves mudará o cenário político que começa a definir candidaturas para o pleito de outubro, vale lembrar….

As regras estabelecidas para a prisão domiciliar devem impedir a participação de Henrique no processo eleitoral.

Certamente que, até visitas, que não incluam o seio familiar e advogados, deverão ser muito restritas.

Caso as regras sejam descumpridas, o ex-deputado perderá o benefício.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*